top of page

4 ANOS DA TERAPET


Em 20 de junho a TeraPet AuQmia Zen completou quatro anos em Caxias do Sul, oferecendo uma gama de terapias e serviços voltados à saúde e ao bem-estar físico, emocional e comportamental dos pets. A proprietária e terapeuta especializada em terapias integrativas para animais Alana de Andrade Reis conta como tem sido essa jornada da TeraPet. nestésica for a escolhida.





Como surgiu a ideia da TeraPet e qual o seu propósito?

Em 2017, eu buscava ressignificar a minha vida, e um dos pontos que mais me incomodava era o setor profissional. Nesse processo, percebi que todos os momentos em que mental e fisicamente estava saudável, além de emocionalmente feliz comigo, era quando estava na companhia dos animais. Busquei retomar um velho sonho, até então na medicina veterinária, e comecei a aperfeiçoar técnicas usadas desde 2014 apenas para trabalhos voluntários, uso pessoal e autoconhecimento. Ao longo desses anos, descobri novas terapias e meios de cuidar dos animais, além do reiki que inicialmente era o único serviço oferecido, pois nosso propósito é que essas sutis e eficazes técnicas terapêuticas se tornem cada vez mais complementares no tratamento para animais, para que, assim como nós, humanos, eles tenham suas necessidades, dores e traumas atendidos. Afinal, precisamos olhar para o todo e não apenas para o corpo físico deles.


Quais serviços a TeraPet oferece atualmente?

Oferecemos atualmente mais de uma dezena de serviços especializados para animais de estimação, seus tutores e o ambiente em que eles convivem, além de um trabalho certificado de pet sitter a domicílio, totalmente personalizado.

Quais espécies de animais são atendidas?

Atendemos todas as espécies, mas com maior frequência cães, gatos, cavalos e coelhos. Entre cães e gatos, sentimos procura maior pelos tutores dos felinos logo que os sintomas aparecem, e uma resistência na mesma proporção dos tutores de cachorros, sendo que esses nos procuram, geralmente, como última alternativa, por isso os resultados acabam sendo mais demorados, já que as questões estão mais agravadas.


Qual a importância de cuidar e tratar a saúde emocional dos pets?

As terapias para os pets vão além de cuidar de uma doença, um comportamento autodestrutivo ou um trauma. Elas devem ser vistas como uma prevenção de situações do dia a dia deles que, assim como seus humanos, sofrem influências, dores, tristezas e acabam emocionalmente afetados. Tendo uma v1sao preventiva, conseguimos evitar inúmeras doenças não só físicas, mas mentais, emocionais, além de questões relacionadas à idade.

Para quais patologias os tratamentos da TeraPet são indicados?

Não existe restrição para nenhuma patologia, apenas adequações em algumas situações. Atualmente atendemos desde hiperatividade, passando por processos de cicatrização pós cirúrgica, FIV, FELV, processos quimioterápicos, redução do estresse causado por fatores diversos, doenças autoimunes, melhora no sistema imunológico, entre outras. Proporcionar bem-estar sempre é nosso ponto de partida.


Em média quantas sessões são necessárias para se perceber os primeiros resultados?

Pelo fato de cada animal ser único e ter uma história de vida, mesmo antes do seu nascimento, através da genética e sua ancestralidade, fica difícil precisar esta informação. Por isso, sugerimos de quatro a cinco sessões iniciais, mas já tivemos muitos casos em que desde a consulta os tutores perceberam melhoras.

Pets de qualquer idade podem ser tratados com as terapias? Existe alguma contraindicação ou restrição?

Qualquer espécie, raça e idade pode fazer uso das terapias integrativas, mas algumas técnicas devem ser evitadas em determinadas situações. Por isso, nosso leque de terapias é bem amplo e estamos de duas a quatro vezes ao ano nos aperfeiçoando. Um exemplo disso é o reiki. Ele é uma das nossas técnicas mais procuradas, principalmente em uma intervenção cirúrgica de emergência. Contudo, ele não deve ser aplicado nessas situações, pois pode cortar o efeito anestésico e/ou aumentar as chances de hemorragia. Nesse caso sempre sugerimos a aplicação antes ou no dia seguinte.


Quais resultados pode-se alcançar com terapias integrativas, como reiki e outras?

Cientificamente, já temos comprovação pela OMS que terapias como o reiki auxiliam na redução de células cancerígenas, assim como trazem muitas questões da nossa história familiar, uma vez que nossas células têm memória. Com isso, além de proporcionar qualidade de vida e relaxamento, também conseguimos melhorar a saúde dos bichinhos.


A saúde emocional dos tutores pode interferir na saúde emocional dos pets?

Muito. Por condicionamento ou apenas pela questão energética, já que tudo é energia, os animais podem adoecer por seguir padrões nocivos de seus tutores, ter depressão e outras patologias. No caso de cachorros, eles podem começar a comer suas fezes (coprofagia), e no caso de gatos podem urinar fora da caixa ou passar a dormir dentro da sua caixa de areia, por exemplo.


O que a TeraPet planeja para o futuro? Há novidades previstas?

Estamos buscando qualificação nas mais diversas técnicas, para poder proporcionar atendimento aos diversos tipos de espécies e problemas que se apresentarem para nós, podendo, assim, oferecer um trabalho com ainda mais excelência e eficiência. No mês de setembro de 2022, traremos novidades na marca, incluindo um novo serviço oferecido. Nossos planos e objetivos são ambiciosos, mas cheios de amor por cada passo dessa caminhada. Através de cursos, e-books e um espaço terapêutico destinado à ajuda

de animais retirados de situações de vulnerabilidade, iremos solidificar a marca, honrando nosso propósito de ajudar os animais não-humanos na sua jornada.


_______________


TERAPIA DO CÃO OLIVIER

"Buscamos os serviços da TeraPet para trazer ao nosso cachorro Olivier mais conforto e tranquilidade no processo de mudança de país, para que ele se sentisse bem e preparado para a adaptação ao novo lar.

Além disso, queríamos tratar as questões alérgicas dele e, assim, reduzir as crises que estavam se tornando cada vez mais frequentes. Após a consulta inicial, detectamos que existiam outras situações que estavam influenciando no seu comportamento e saúde física, por isso seguimos protocolo sugerido pela Alana. Iniciamos na semana seguinte o uso de florais, que a própria terapeuta manipula exclusivamente para o Oli, junto com sessões seguidas de multienergética, que incluem várias técnicas conforme o dia e o que ele necessitar, e mais uma mesa radiônica egípcia para completar o tratamento. Após uma semana, já percebemos resultados tanto comportamentais quanto físicos. Na parte física, a pele e o pelo dele estão visivelmente mais saudáveis, o pelo está mais brilhante e deixou de ter queda, além de não ter mais crises de coceira. Na questão comportamental, ele está com humor mais estável e tranquilo, não apresentou mais episódios de euforia, como estava tendo antes, além de estar mais participativo nas atividades da família. Seguimos o tratamento com a TeraPet, estamos muito contentes com os resultados alcançados até aqui e certos de que ainda trará mais equilíbrio e bem-estar para nosso Oli."


Tutora: Marília Tondo Azambuja



ALANA DE ANDRADE REIS

Terapeuta especializada em Terapias Integrativas para Animais e diretora da Terapet AuQmiaZen


ALANA DE ANDRADE REIS

Terapeuta especializada em Terapias Integrativas para Animais e diretora da Terapet AuQmiaZen


@terapetauqmiazen

Whats App (54) 9135.1525

21 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page